Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Refrigerantes e seus efeitos

*O QUE ACONTECE QUANDO VOCÊ ACABA DE BEBER UMA LATA DE REFRIGERANTE**

Primeiros 10 minutos:
10 colheres de chá de açúcar batem no seu corpo, 100% do recomendado diariamente. Você não vomita imediatamente pelo doce extremo, porque o ácido fosfórico corta o gosto.

20 minutos:
O nível de açúcar em seu sangue estoura, forçando um jorro de insulina. O fígado responde transformando todo o açúcar que recebe em gordura (É muito para este momento em particular).

40 minutos:
A absorção de cafeína está completa. Suas pupilas dilatam, a pressão sanguínea sobe, o fígado responde bombeando mais açúcar na corrente. Os receptores de adenosina no cérebro são bloqueados para evitar tonteiras.

45 minutos:
O corpo aumenta a produção de dopamina, estimulando os centros de prazer do corpo. (Fisicamente, funciona como com a heroína..)

50 minutos:
O ácido fosfórico empurra cálcio, magnésio e zinco para o intestino grosso, aumentando o metabolismo. As altas doses de açúcar e outros adoçantes aumentam a excreção de cálcio na urina, ou seja, está urinando seus ossos, uma das causas das OSTEOPOROSE.

60 minutos:
As propriedades diuréticas da cafeína entram em ação. Você urina. Agora é garantido que porá para fora cálcio, magnésio e zinco, os quais seus ossos precisariam. Conforme a onda abaixa você sofrerá um choque de açúcar. Ficará irritadiço. Você já terá posto para fora tudo que estava no refrigerante, mas não sem antes ter posto para fora, junto, coisas das quais farão falta ao seu organismo.

Pense nisso antes de beber refrigerantes. Se não puder evitá-los, modere sua ingestão! Prefira AGUA ou sumos naturais. Seu corpo agradece!*


Autor: Prof. Dr. Carlos Alexandre Fett, Faculdade de Educação Física da UFMT, Mestrado da Nutrição da UFMT, Laboratório de Aptidão Física e Metabolismo - 3615 8836. Consultoria em Performance Humana e Estética

NOTA: Recebi por e-mail de pessoa conhecida que repassou. A saúde merece cuidados. No entanto aparecem exageros apavorantes. Peço aos visitantes com alguns conhecimentos de medicina, ciências afins, deixem aqui comentários que ajudem a conhecer melhor este tema. Há quem diga que a ingestão de muita água também elimina muitos sais que depois ficam a fazer falta para o bom funcionamento do organismo. 

3 comentários:

Celle disse...

Amigo João, não sou da área de saúde, rsrsrs, não sei dizer se todos estes detalhes estão rigorosamente corretos. O certo é que as conseqüências da ingestão do refrigerante no organismo de cada pessoa são variadas e dependem de fatores como genética, predisposição e tb da periodicidade e quantidade ingerida por cada um. As altas taxas de açúcar do refrigerante aumentam a insulina do organismo, que por sua vez acelera o processo de lipogênese. Esse processo é o responsável pela formação da gordura no corpo, logo, quanto mais refrigerante vc consumir, maiores são as suas chances de engordar. Como sofro de hipotiroidismo vou regularmente ao médico e faço meus exames umas tr~es ou quatro vezes por ano. Meu médico desaconselha o uso dos refrigerantes principalmente os à base de cola. Todos eles são carregados do mineral fósforo, que, se consumido em excesso, diminui a absorção do cálcio pelo organismo. A deficiência do cálcio pode trazer diversos problemas, sendo que o problema mais comum é a osteoporose. Refrigerantes que possuem cola em sua composição tb aumentam a produção do ácido estomacal já comumente produzido pelo órgão. Com o aumento dessa secreção, fígado e rins ficam sobrecarregados, trabalham mais do que deveriam e provocam mudanças no metabolismo de quem exagera na cola. Os refrigerantes sem açúcar, light, diet, zero, apresentam grande quantidade de sódio, que fazem a pessoa ficar inchada.
O melhor é evitar. Que tal trocar pelo suco natural de frutas é o que procuro ensinar para os netos, mas, não é fácil.
Muito oportuna esta matéria. Um bom alerta...
beijos
Celle

A. João Soares disse...

Amiga Celle,

Um comentário cheio de saber. Daquilo que diz, concluo que o texto do post está correcto. A água é fundamental ao organismo e não traz consigo tantos inconvenientes como os refrigerantes.

Aproveito para agradecer à colega Fê este novo visual do blog. A imagem de fundo está totalmente sintonizada com o tema do blog.
Mãos de artista!!!

Beijos para as duas amigas
João
Sempre Jovens

Fê-blue bird disse...

Meus amigos.
Também sou contra a ingestão de refrigerantes, principalmente custa-me muito ver a crianças a bebê-los com tanta frequência.

Obrigada amigo João pelas suas palavras de apreço pelo novo visual do blogue ;-)

beijinhos