Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

domingo, 31 de outubro de 2010

Cancro da mama. Apostar no diagnóstico precoce


Pensando no sofrimento de muitas mulheres, transcrevo a parte inicial do seguinte artigo. Para ler tudo basta fazer clic no seu título.

Cancro da mama está a aumentar

Dia Nacional de Prevenção visa alertar para a necessidade de apostar em rastreios sistemáticos
O cancro da mama tem aumentado e causa 1800 mortes por ano em Portugal. No Dia Nacional de Prevenção da doença, a Liga Portuguesa Contra o Cancro deixa um alerta: realizar rastreios correctos pode reduzir a mortalidade em 30% em cinco a dez anos.

O presidente da Liga Portuguesa Contra o Cancro, Vítor Veloso, acredita que para diminuir a mortalidade por cancro da mama é indispensável desenvolver a prevenção e apostar no diagnóstico precoce.

"Para melhorar e para diminuir a mortalidade, temos de apostar na prevenção primária e secundária". Seria possível reduzir em "30% a mortalidade do cancro da mama" nos próximos cinco a dez anos se "os rastreios forem bem feitos", correspondendo às regras da União Europeia, explicou Vítor Veloso, em declarações à Lusa. (...)

Imagem da Net

Mamão-papaia. Suas virtudes


Transcrição de texto recebido por e-mail. Espero que seja útil aos amigos visitantes:


Plante um mamoeiro em sua casa e nunca mais fique doente.
Veja porque logo abaixo.

Como eu já tive "gastrite aguda" (posso provar por imagem de endoscopia), (nem um copo de água podia ingerir, que me dava azia), o próprio médico, há uns 20 anos, recomendou-me, ao invés de Tagamed e outros remédios que vinha me receitando por quase dois anos), que, de manhã, por 30 dias, me limitasse a comer um "mamão papaya", (de que já ouvira maravilhas para curar gastrites e afins).

Nesse período, até as 10 horas, não deveria ser tomado nenhum líquido. Café, chás ou outras bebidas que contivessem pó, nesses 30 dias não poderiam ser tomados em hipótese alguma.
Pois qual não foi nossa surpresa, quando ao final dos 30 dias, em nova endoscopia, meu
aparelho digestivo não apresentava mais nenhum sinal de gastrite.

Transmito isso, pois sei que muitas pessoas se abstém de comer doces ou outras iguarias porque logo vem a dolorosa azia. Desde que comecei a comer, todo dia, um "mamão papaya", de manhã, nunca mais tive qualquer sintoma de azia ou mal estar. Posso comer doces, chocolates, etc.!

Ah!... sem contar que naquela ocasião também sofria de hérnia hiatal, a que provoca o refluxo ...!

Mamão, um tesouro ao seu alcance


O mamão (Carica papaya), originário da América Tropical, é uma das melhores frutas do mundo, tanto pelo seu valor nutritivo, como pelo poder medicinal. Cada parte desta planta é preciosa, a começar pelo tronco! De sua parte interna, retira-se uma polpa que - depois de ralada e seca - semelha-se ao coco ralado.


É rica em propriedades nutritivas e aproveitada em alguns lugares no preparo de deliciosas rapaduras.

O cozimento das raízes dá um tónico para os nervos, e é também remédio para as hemorragias renais.

As folhas do mamoeiro, após secas à sombra, têm aplicação no preparo de agradável chá digestivo que pode ser dado livremente às crianças, pois não contém cafeína.

O suco leitoso extraído das folhas é o vermífugo mais enérgico que se conhece. Usa-se diluído em água. Ainda é digestivo e cura feridas. Em diversos lugares, a medicina popular o utiliza para tratar eczemas, verrugas e úlceras.

Os índios preparam a carne envolvendo-a com folhas de mamoeiro por algumas horas antes de levá-la ao fogo. Este processo amacia a carne.

Com as flores do mamoeiro macho prepara-se um maravilhoso xarope que combate a rouquidão, tosse, bronquite, gripe e indisposições gástricas causadas por resfriados.

Coloca-se um punhado de flores, com um pouco de mel em vasilha resistente ao calor, mas que não seja de alumínio. Acrescenta-se um copo de água fervendo, tapando-se bem. Depois de esfriar, toma-se às colheradas, de hora em hora.

Com o fruto verde faz-se um doce maravilhoso. Pode-se também prepará-lo ensopado ou com molho branco. É uma iguaria!

O mamão maduro: é altamente digestivo (cada grama de papaína – fermento solúvel contido no fruto digere 200g de proteína); tem mais vitamina C que a laranja e o limão; contribui para o equilíbrio ácido-alcalino do organismo; é diurético, emoliente, laxante e refrescante; cura prisão de ventre crónica comido em jejum, pela manhã, faz bem ao estômago é eficaz contra a diabete, asma e icterícia; bom depurativo do sangue; não pode faltar na alimentação da criança, pois favorece o seu crescimento.

Depois de comer-se o mamão, esfrega-se a parte interna da casca sobre a pele para tirar manchas, suavizar a pele áspera e eliminar rugas.

Mastigar de 10 a 15 sementes frescas elimina vermes intestinais, regenera o fígado e limpa o estômago. Comidas em quantidade, são eficazes contra câncer e tuberculose.

Faltava dizer que qualquer uso que se faça de qualquer parte desta planta, traz consigo uma ação vermífuga poderosa, o que bastaria para destacar sua importância.

Melhor que consumir frutos do supermercado (colhidos verdes e amadurecidos à força no carbureto), é colhê-los já maduros no pé, no próprio quintal pois além disso serão livres de agrotóxicos.

Num espaço bem apertado cabem vários mamoeiros. Eles gostam de terra boa, bem adubada. Por exemplo, com lixo de cozinha ou com uma "Boca da Terra".

O consumo do mamão é recomendado pelos nutricionistas por se constituir em um alimento rico em licopeno (média de 3,39 mg em 100 gr), vitamina C e minerais importantes para o organismo. Quanto mais maduro, a maior a concentração desses nutrientes.

Luiz Carlos Negrine

Imagens da Net

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

AVC exige prevenção

Transcreve-se o seguinte artigo alertando para os factores de risco:

DESTAK/LUSA  29 | 10 | 2010
O Dia Mundial do Acidente Vascular Cerebral (AVC), a principal causa de morte em Portugal e responsável pelo internamento de mais de 27 mil doentes por ano, assinala-se hoje, com um alerta para a prevenção.

De acordo com a Sociedade Portuguesa de Cardiologia, a cada hora morrem dois portugueses vítimas de AVC, que é responsável pelo internamento de mais de 27 mil doentes por ano, sendo que cerca de 15 por cento destes morrem durante o internamento.

Em cada dez AVC, nove “devem-se a um ou mais fatores de risco sobre os quais se poderia ter intervindo para anular o risco” de ocorrência.

A Sociedade Portuguesa de Cardiologia (SPC) aponta como fatores de risco:

a hipertensão arterial,
o sedentarismo,
a obesidade,
o excesso de colesterol,
o fumo de tabaco,
os erros alimentares, a diabetes,
o stress psico-social, o consumo de álcool e
algumas doenças do coração.

Para evitar um AVC, a SPC aconselha as pessoas a conhecerem os seus fatores de risco (medir a pressão arterial, o colesterol e a glicemia e verificar o ritmo cardíaco), a fazerem exercício físico, a comerem de forma saudável, a limitarem o consumo de álcool e a não fumarem.

Imagem da Net

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Segredos Culinários revelados 16


Temperos:

1. Para conservar a salsa fresca, lave, deixe secar e corte bem fininho. Depois, guarde a salsa num vidro, coberta com óleo.

2. A salsa poderá ser conservada sempre fresca por até três semanas. Para isso, lave, escorra bem, coloque num vidro tampado e guarde na geladeira.

3. Aproveite as sobras de vinho e de cerveja para temperar a carne assada em panela de pressão. O vinho poderá ser usado na própria vinha-d’alhos, e a cerveja despejada na panela, depois que a carne estiver dourada de todos os lados.

4. Para dar um sabor especial a frangos e carneiros, espalhe um pouco de alecrim antes de grelhar ou assar.

5. Para aproveitar a mostarda ressecada, adicione algumas gotas de azeite, um pouco de vinagre e uma pitada de sal.

6. Para dar um sabor ardido, igual ao da pimenta, a sopas e molhos, acrescente um pedacinho de gengibre. Retire na hora de servir.

7. Se a comida ficar muito apimentada, adicione uma colher de chá de açúcar.

8. Para dar maior sabor a saladas, esfregue na saladeira um dente de alho.

9. Se você quiser saber se a salada está temperada a gosto, experimente o tomate, pois ele pega mais tempero que as outras verduras e legumes.

10. Para fazer um bom tempero para saladas, dissolva o sal em um pouco de água quente e acrescente vinagre ou suco de limão e depois uma quantidade igual de azeite.

11. Se você não tiver catchup, substitua por uma mistura de purê de tomate, uma xícara de açúcar e duas colheres de sopa de vinagre.

12. Nunca guarde condimentos perto do fogão, pois eles perderão a cor e o sabor. Para que os condimentos continuem sempre frescos, guarde na geladeira.

13. Para você obter um vinagre doce como o original francês, junte ao vinagre comum uma maçã descascada cortada em pedaços e deixe num vidro bem tampado por vinte e quatro horas. Em seguida, é só coar.

14. O vinho azedado pode ser aproveitado como vinagre.

15. Se você colocar vinagre demais na salada, misture ao tempero uma colher de sopa de leite cru e uma pitada de açúcar.

16. Para gelar o vinho mais rápido, envolva a garrafa em uma flanela molhada com água gelada. Em segundos o vinho estará na temperatura ideal.

Utensílios:

1. Para pegar os pequenos cacos de um vidro quebrado, utilize uma bola feita com miolo de pão.

2. Quando você não tiver papel de alumínio para cobrir os pratos para assar, substitua por qualquer papel fino. Mas, antes, embeba em óleo, para não pegar fogo.

3. Ao terminar de usar a esponja de aço, tire todo o sabão e deixe num recipiente com água. Troque a água sempre que usar. Assim, ela não enferruja.

4. Para afiar as lâminas do moedor de carne, coloque um pedaço de lixa em seu interior e gire a manivela algumas vezes.

5. Para afiar tesouras, corte com elas uma lixa de água. O atrito das lâminas com a lixa vai deixar sua tesoura afiadíssima.

6. Para fechar potes de geléia, coloque na boca do pote uma rodela de papel impermeável e parafina derretida por cima.

7. Para triturar melhor os alimentos, ligue e desligue o liquidificador por várias vezes.

8. Para descongelar rapidamente a geladeira, desligue, e coloque em sua prateleira uma vasilha com água quente e feche a porta.

9. Tire as manchas dos copos de cristal esfregando uma fatia de cebola nos locais manchados.

10. Uma pasta bem grossa de clara de ovo e cal é uma ótima cola para cristais quebrados.

11. Para que os copos de vidro comum fiquem limpos e brilhantes, lave com pó de café usado e enxágüe. Os copos de cristal lave com álcool.

12. Para tirar o cheiro de remédio de copos, esprema dentro um pouco de suco de limão.

13. Para deixar mais limpos os panos de prato, lave-os em água morna misturada com um pouco de vinagre e sal.

14. Quando um ralo estiver entupido com gordura, coloque uma xícara de sal e uma de bicarbonato de sódio. Depois, jogue por cima uma chaleira de água quente.

15. Para limpar a tábua de bater carne, esfregue uma esponja grossa com amoníaco misturado com limão, até remover a gordura fixada. Depois, lave a tábua com água.

16. As velas durarão mais tempo acesas e não pingarão muito se você as colocar durante algumas horas no congelador.

17. Quando um vidro estiver com a tampa muito difícil de abrir, dê umas batidas no meio da tampa com o cabo de um talher.

18. Quando você colocar água ou qualquer líquido fervente num vidro, coloque antes uma colher de metal. Assim, a colher absorverá o calor, evitando que o vidro se quebre.

Verduras:

1. Antes de lavar verduras, deixe-as mergulhadas em água com um pouco de sal e vinagre durante dez minutos. Assim, os bichinhos e lagartas subirão à superfície da água, facilitando a limpeza. Esse procedimento é ótimo especialmente para limpar couve-flor.

2. Ao cozinhar verduras, coloque uma colherinha de açúcar para manter a cor e o sabor naturais. Não use bicarbonato de sódio, pois ele elimina as vitaminas das verduras.

3. Quando você cozinhar hortaliças com cheiro forte, como a couve-flor e o repolho, acrescente à água uma colher de sopa de leite.

4. 4. Para tirar o cheiro que se desprende das verduras quando cozidas, basta colocar uma casca de pão na água do cozimento.

5. Cozinhe as verduras num cuscuzeiro, aproveitando o vapor. Assim, elas não perderão o valor nutritivo.

6. Antes de descascar chuchu, passe um pouco de óleo nas mãos, para que a baba não grude. Depois é só lavar as mãos com água e sabão.

7. Antes de descascar chuchu, corte ao meio e deixe em uma salmoura fraca por dez minutos. Assim, ele soltará menos baba.

8. Cozinhe talos e folhas verdes de couve flor até ficarem macios e sirva com manteiga derretida ou molho branco por cima. Além de ficarem saborosos, são muito nutritivos.

9. Você pode extrair o suco de abobrinhas cozidas ou de espinafre com facilidade usando um espremedor de batatas.

10. Não jogue fora os talos do agrião, pois eles contêm muitas vitaminas. Limpe, pique e refogue com tempero e ovos batidos.

11. Para tirar a pele do pimentão, aqueça diretamente no queimador do fogão, segurando-o com um garfo.

F I M

Imagem da Net

Cancro do colo do útero


Segundo o artigo do Jornal de Notícias de 28-10-2010, metade das infecções com o papiloma vírus humano (HPV) acontece entre os 15 e os 25 anos, que são potenciadas por uma vida sexual menos segura e pelo número de filhos quando as gravidezes não são bem vigiadas.


Dia 27 fez dois anos que a vacina contra o HPV foi introduzida no Plano Nacional de Vacinação (PNV), para todas as raparigas de 13 anos e, até recuperar o atraso, todas as de 17 anos.

O cancro do colo do útero atinge todas as idades. O diagnóstico precoce da infecção pode evitar o desenvolvimento da doença pelo que é sempre útil.

«O preservativo não protege completamente contra o HPV? É que o vírus transmite-se por contacto sexual. Não é preciso haver relação completa. Basta um contacto da pele com as mucosas". E por isso é que está a aumentar o cancro da boca e dos lábios provocado por HPV».

Imagem da Net

Segredos Culinários revelados 15


Queijo:


1. O queijo não endurecerá se você passar manteiga ou margarina na parte cortada. Para o queijo duro ficar macio novamente, coloque-o de molho em leite.

2. O pão de queijo ficará uma delícia se você acrescentar um pouco de coalhada à massa.

3. O queijo-de-minas se conservará fresco se você guardar na geladeira dentro de um recipiente fundo com um pouco de água levemente salgada. Vire o queijo, de manhã e à noite, para que os lados fiquem úmidos.

4. O queijo não ficará rançoso nem embolorado se você embrulhar em um pano molhado com vinagre.

5. Para cortar o queijo em fatias, use uma faca sem corte. Nesse caso, ela cortará melhor que a faca afiada.

6. Rale sobras de queijo e use em molhos e sopas.

7. O queijo parmesão poderá ser aproveitado até o fim, mesmo quando estiver duro e difícil de ralar. Para isso, embrulhe o queijo num pano molhado durante quarenta e oito horas. Depois, raspe toda a sua superfície que a casca sairá facilmente.

8. Para dar aos pratos gratinados uma superfície mais crocante, misture um pouco de farinha de rosca ao queijo ralado.

9. Deixe a mozarela tirada da geladeira imersa em água por duas ou três horas. Assim, ela derreterá no forno com mais facilidade.

Sal:

1. O sal é ótimo para preservar a coloração dos tecidos. Adicione um pouco à água da lavagem.

2. Para conservar o sal sempre fresquinho e seco, coloque uma bolacha salgada no fundo do recipiente em que ele é guardado. A bolacha absorverá toda a umidade do sal.

3. Para acabar com a umidade do sal, deixe alguns grãos de arroz secar ao sol e, em seguida, coloque no saleiro. O arroz absorverá a humidade do sal.

4. Para deixar o sal sempre seco, coloque um mata-borrão no fundo do saleiro.

5. O sal remove a goma queimada que fica grudada no ferro. Coloque duas colheres de sopa de sal sobre
uma folha de papel e passe o ferro por cima.

Suflê:

1. Se você não tiver fôrma especial para suflê, faça-o numa fôrma redonda com buraco no meio.

2. Para deixar o suflê doce com uma leve camada crocante, unte a fôrma e polvilhe açúcar antes de pôr a massa do suflê. Dessa maneira, o suflê também sai mais fácil.

3. Para o preparo de qualquer suflê salgado, adicione por último claras frescas, batidas em neve, misturando levemente. Em seguida, leve para assar em forno pré-aquecido. Assim que o suflê estiver bem crescido e ligeiramente dourado, sirva imediatamente.

4. Se você quiser preparar um suflê de manhã para assar à noite, deixe para colocar as claras batidas em neve no suflê só na hora de levar ao forno.

5. Para impedir que o suflê derrame ao ser assado, passe o dedo untado com manteiga na borda interna da fôrma, já com a massa do suflê dentro.

Suspiro:

1. Quando os suspiros já estiverem assados, não os tire imediatamente da assadeira. Deixe que eles esfriem um pouco. Assim, eles não se quebrarão.

2. Quando você preparar suspiros ou glacê, peneire o açúcar de confeiteiro antes de usar.

3. Para que os suspiros fiquem bem sequinhos, deixe a porta do forno entreaberta, usando para isso uma caixinha de fósforos vazia, o cabo de uma colher de pau ou um pano.

4. Antes de cortar merengues, mergulhe a faca em água fervente.

5. Para cortar uma torta coberta com suspiro, use uma faca untada.

6. Assim, o suspiro não esfarelará e as fatias ficarão com uma aparência mais

Imagem da Net

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Segredos Culinários revelados 14


Ovos:


1. Para a fritada ficar mais macia, junte aos ingredientes uma colher de sopa de leite para cada ovo.

2. Ao fazer omeletes, suflês e fritadas, adicione uma pitada de fermento em pó aos ovos batidos. Assim, eles renderão mais.

3. Para as omeletes não grudarem, esfregue sal no fundo da frigideira.

4. Para evitar que os ovos fritos grudem, aqueça bem a frigideira antes de colocar manteiga ou óleo. Se a frigideira for nova, ferva nela um pouco de vinagre antes de usar.

5. Adicione algumas gotas de limão e uma pitada de sal ou de açúcar às claras batidas em neve para que fiquem mais firmes.

6. Para que as claras batidas em neve fiquem firmes, coloque uma pitada de bicarbonato de sódio nas claras antes de bater.

7. Para tirar o cheiro de ovo de um prato, esfregue um pouco de café.

8. Quebre os ovos numa caneca ou em outro recipiente à parte. Assim, se eles não estiverem bons, não estragarão os outros ingredientes.

Pão:

1. Para assar o pão de queijo feito com polvilho azedo, coloque em forno bem quente e vá abaixando o fogo, gradativamente, depois que o pão estiver crescido, até que ele seque. Caso contrário, o pão ficará murcho e puxa-puxa.

2. Para a massa do pão crescer mais rápido, sove bem e coloque num saco plástico bem fechado.

3. A massa do pão ficará bem fofa e leve se você acrescentar uma batata cozida, fria ou morna, passada no espremedor.

4. Para você saber se a massa do pão está no ponto, estire a massa e corte ao meio. Se a massa tiver muitos furinhos,ela não estará no ponto. Caso contrário, ela já poderá ir ao forno.

5. Para assar pão, coloque junto, na parte de baixo do forno, uma vasilha refratária cheia de água. Assim, o pão ficará com uma crosta mais dura. E não convém abrir o forno nos dez primeiros minutos.

6. Você pode substituir um tablete de 15 g de fermento para pão por uma colher de sopa de fermento seco, granulado, especial para pão.

7. Para dar uma crosta bem crocante ao pão italiano, pincele com água duas vezes enquanto ele assa.

8. Coloque a fôrma de pão para assar sempre no meio do forno. Assim, o ar circulará livremente por todos os lados, fazendo com que o pão asse por igual.

Peixe:

1. O peixe assado não grudará na fôrma; nem perderá o sabor, se você forrar a assadeira com fatias de batata crua.

2. Para que o peixe não grude no fundo da assadeira, forre-a com uma camada de cebolas picadas, aipo e cheiro-verde.

3. Corte a cabeça do peixe só depois que ele estiver assado, senão a parte cortada ficará seca e dura.

4. Para que o peixe asse por igual, coloque-o de barriga para baixo, aberto, na assadeira coberta com papel de alumínio. O peixe ficará douradinho dos dois lados.

5. Ao fritar peixe, coloque um ramo de salsa no óleo da frigideira. Ele ficará mais gostoso e cheiroso.

6. Aproveite o bagaço de limão que você usou para temperar peixe para esfregar na pia em que o peixe foi limpo e lavado. Assim, você eliminará o cheiro desagradável.

7. O leite deixa o peixe mais macio e saboroso. Se o peixe for fresco, deixe-o de molho por alguns minutos no leite antes de temperar. Se o peixe for congelado, descongele diretamente no leite: ele ficará com sabor de peixe fresco.

8. Para saber se um peixe está fresco, observe os seguintes detalhes: ele deve ter olhos e escamas brilhantes, guelras bem vermelhas e carne rija, resistente à pressão dos dedos.

9. No preparo de um peixe, quando a bolinha branca do olho aparecer,significa que ele já está assado ou cozido.

10. Para dar um sabor especial ao peixe, deixe-o mergulhado no leite antes de fritar.

Polenta:

1. Para esquentar a polenta que sobrou do dia anterior, mergulhe as fatias em água fervente durante apenas um minuto. Retire a polenta e enxugue com guardanapo. Assim, ela ficará como a polenta feita na hora.

2. Quando a polenta ficar muito mole e você não tiver mais fubá para engrossar, substitua por um pouco de maisena dissolvida em água e deixe ferver mais um pouco.

3. Para evitar que a polenta encaroce, não coloque o fubá diretamente na água. Dissolva antes em água fria e depois adicione à água fervente. A água fria usada deverá ser descontada do total de água que a receita indicar.

4. A polenta frita ficará mais macia e com uma crosta crocante se você passar na farinha de trigo antes de fritar.

5. Cozinhe a polenta na panela de pressão durante quarenta minutos. Assim, a polenta não queimará e cozinhará mais rápido.

6. Quando você fizer polenta e ficar aquela parte grossa no fundo da panela, coloque leite e deixe de molho. As placas finas de polenta se soltarão da panela e ficarão muito gostosas temperadas com açúcar.

Imagem da Net

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Segredos Culinários revelados 13

Massas:

1. Prepare a massa de nhoque normalmente. Pegue um saco plástico de leite, vazio, faça uma abertura num dos lados e um furo num dos cantos do lado oposto. Coloque a massa de nhoque dentro e vá cortando os nhoques com uma tesoura, diretamente na panela de água fervente.

2. Massas doces ficarão mais macias se você usar gordura não gelada e mexer com movimentos leves.

3. Para pincelar tortas e empadas, misture bem a gema com óleo e depois acrescente uma pitada de açúcar com algumas gotas de café forte.

4. A massa de torta não ficará estufada se você furar com um garfo toda a sua superfície e as bordas, quando ela estiver na assadeira.

5. Para que a massa de torta não encolha na assadeira, coloque uma folha de papel-manteiga por cima, depois cubra toda a superfície com feijão cru. Leve a fôrma para assar dessa maneira.

6. Faça sempre o recheio para tortas com antecedência ou deixe esfriar antes de usar. Se você colocar o recheio ainda quente, a massa cozinhará antes de ser levada ao forno, ficando com uma aparência desagradável e não muito saborosa.

7. Quando as tortas e bolos dourarem demais no forno, antes de estarem completamente cozidos, cubra com papel impermeável e deixe que acabem de assar. Assim, você evita que fiquem muito tostados.

8. As panquecas ficarão mais saborosas se você acrescentar no liquidificador, junto com a massa, uma cebola ou um pedaço de queijo.

9. Para assar massa folhada, não unte nem polvilhe a assadeira. Use sempre uma assadeira molhada.

10. Estique a massa podre com o rolo sobre um plástico. Depois, vire a massa sobre a assadeira, retirando o plástico. Assim, a massa ficará lisa e uniforme.

11. Para o preparo de uma massa para tortas ou empadas, use sempre gordura gelada. Dessa maneira, a massa ficará crocante e sequinha.

12. Empadas, tortas e barquetes de massa podre devem esfriar antes de serem tiradas das fôrmas.

13. Ao fazer massas fermentadas, tire uma pequena porção, faça uma bolinha e coloque num copo com água. Quando a bolinha subir, a massa estará pronta para ir ao forno.

14. Acrescente à massa de pizza uma batata cozida. A massa ficará mais leve.

15. Quando fizer macarrão em casa, use um cabide para secar a massa.

16. Além do sal e do óleo, que normalmente vão à água para cozinhar o macarrão, acrescente também um galinho de salsa. Assim, a macarronada ficará mais saborosa.

17. A macarronada ficará mais saborosa se você misturar um pouco de pimenta-do-reino ao queijo ralado.

18. Arrume a lasanha crua, de véspera, numa vasilha refratária, cubra com leite e leve à geladeira. Coloque a lasanha no forno quarenta minutos antes de servir.

19. Se você quiser que a torta de frutas fique com uma crosta crocante com gosto de nozes, salpique germe de trigo sobre a torta, dez minutos antes de tirá-la do forno.

20. Na falta de um rolo de macarrão para estirar a massa, use uma garrafa lisa, cheia de água gelada e gelo picado. Feche bem a garrafa para não vazar. A massa ficará bem lisa.

21. Para que o macarrão não grude, regue com um fio de óleo depois de escorrer.

22. Para fazer macarrão colorido, acrescente à massa: espinafre para a massa verde, beterraba para a massa rosada ou chocolate (em pó) para a massa marrom.

23. Nunca use manteiga ou ovos gelados em suas receitas. Eles devem estar à temperatura ambiente para não alterar a consistência da massa.

Miúdos:

1. Corte um limão ao meio e esfregue na língua de boi. Em seguida, coloque a língua para ferver numa panela com algumas gotas de limão. Depois, é só raspar que a pele sairá facilmente.

2. A língua de boi não desprenderá aquele cheiro característico se você colocar uma cebola descascada para cozinhar junto.

3. Bata a língua de boi com força algumas vezes na pia ou na mesa. Assim, ela ficará macia na hora de aferventar.

4. Antes de temperar o fígado, deixe durante quinze minutos ou mais de molho em suco de laranja, para eliminar a acidez e não deixar o fígado ressecado. Depois, prepare em bifes, iscas ou ensopadinho.

5. Tempere o fígado com duas colheres de sopa de leite, para cada meio quilo, sem usar vinagre. Assim, os bifes ficarão macios e não ressecarão após serem fritos.

6. Para que o fígado não endureça, tempere com um tomate maduro amassado.

7. Ao refogar fígado, polvilhe-o com canela em pó. Assim, o refogado não soltará o cheiro forte de fígado e ficará mais saboroso.

8. Para que o fígado não fique duro ao fritar, polvilhe antes com maisena ou farinha de trigo.

9. Dê várias pancadinhas com a lâmina de uma faca sobre o fígado. Assim, a pele sairá com facilidade.

Molhos:

1. Para engrossar molhos, acrescente uma colher de farinha de trigo dissolvida em água fria.

2. O macarrão ficará mais saboroso se você acrescentar ao molho raspas de noz-moscada.

3. Para que o molho de tomate não fique ácido, acrescente uma colher de sopa de creme de leite.

4. Para tirar a acidez do molho de tomate, coloque uma pitada de açúcar no final do cozimento.

5. Para tirar a acidez dos molhos de tomate, prepare com todos os temperos e coloque alguns pedaços de batata ou cenoura, durante a fervura.

6. Para dar um sabor especial ao molho branco, aqueça bem o leite com uma folha de louro e uma cebola descascada. Se você quiser, adicione um cravo-da-índia. Depois, deixe em lugar quente durante quinze minutos. Em seguida, escorra e prepare o molho branco.

7. Se o molho de carne estiver sem cor, acrescente duas colheres de chá de café solúvel ao molho.

8. Só tempere um molho com sal depois que ele já estiver preparado. Se você colocar antes, o gosto de sal se concentrará enquanto o molho cozinha.

9. Para retirar o excesso de gordura do molho, deixe-o no congelador durante vinte minutos. Assim, a gordura ficará congelada na superfície e sua remoção será mais fácil.

10. Para engrossar um molho, experimente usar batatas cozidas e passadas no espremedor.

11. Retire a massa de tomate da lata e guarde num potinho ou copo de vidro. Despeje um pouco de óleo por cima, para evitar que embolore. Conserve na geladeira.

Imagem da Net

Gravidez


Transcrição de artigo que merece atenção de jovens futuras mães:


Jornal de Notícias. 25 de Outubro de 2010. Por Maria Cláudia Monteiro

Uma gravidez saudável deve ser pensada antes da concepção, explicaram num exercício de “medicina aberta” especialistas do Hospital de S. João, no Dia da Pré-Mamã. As futuras mães registaram, mas não acreditam no serviço dos centros de saúde.

Isabel Sousa tem 42 anos e planos para engravidar nos próximos 12 meses. E foi por ter a certeza da incapacidade do centro de saúde para a ajudar, que foi ao Dia da Pré-Mamã, organizado pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto. Na primeira pausa para perguntas aos especialistas, foi pragmática: “Quero engravidar no próximo ano e não tenho médico de família. Gostava de saber o que fazer”.

Será talvez este mais um desafio para o Serviço Nacional de Saúde: dar resposta aos cerca de 500 mil portugueses sem médico de família, provada que está a importância do planeamento da gravidez para contrariar o retrato da concepção no país.

“Em Portugal, cada vez mais se engravida menos, mais tarde e pior”, explicou ao JN Nuno Montenegro, director do serviço de Ginecologia e Obstetrícia do Hospital de S. João, no Porto. Não podendo a Medicina impedir que as mulheres tenham cada vez menos filhos e mais tarde, pode pelo menos trabalhar para que gravidezes saudáveis gerem bebés saudáveis.

“Quanto melhor for a saúde da mãe, quanto mais saudável for, menor será o risco de complicações ligadas à gravidez”, explicou Isabel Campos, também especialista em Ginecologia e Obstectrícia, que no Dia da Pré-Mamã explicou à plateia a importância de uma antecipada desabituação tabágica, alcoólica e de substâncias ilícitas.

“O período de maior sensibilidade ambiental para o embrião situa-se entre os 17 e 56 dias após a fecundação, antes mesmo que muitas mulheres reconheçam que estão grávidas ou tenham oportunidade de iniciar os cuidados prénatais”, explicou Isabel Campos.

“O ácido fólico, por exemplo, não tem interesse na fase pós-concepção, mas antes da concepção e durante as primeiras semanas”, esclareceu Nuno Montenegro. Durante a sessão na Faculdade

Uma intervenção precoce junto de mulheres com doenças crónicas é também fulcral, uma vez que permite fazer ajustes essenciais na medicação para o desenvolvimento de uma gravidez saudável. “O sucesso da gravidez depende do controlo de base”, insistiu Isabel Campos, na sessão do Dia da Pré-Mamã. No caso, por exemplo da diabetes e da epilepsia, as mulheres devem começar a tomar ácido fólico nos três meses anteriores à concepção, como as restantes, mas numa dose superior.

Isabel Sousa ficou esclarecida com a sessão, da qual saiu disposta a procurar ajuda junto de um médico particular. “Não tenho alternativa, não é? Tenho de começar a fazer exames”, disse.

Numa consulta ou abordagem pré-concepcional é possível tomar medidas que identificar condições maternas e paternas potencialmente prejudiciais para a mãe ou para o feto, explicou a professora Isabel Campos.

Exposição a substâncias tóxicas e teratogenias (que pode dar origem a malformações):
Em casa – pesticidas e solventes;
No trabalho – metais pesados e solventes orgânicos; radiações; trabalhos pesados, longa permanência em pé, viagens exaustivas;

Hábitos:
Tabaco – recomenda-se o abandono de hábitos tabágicos antes ou durante a gravidez inicial ou, pelo menos, a redução do total de cigarros por dia para um número de dez.
Álcool – é a principal causa evitável de atraso mental, pelo que se recomenda a abstinência antes e durante a gravidez.
Substância ilícitas – recomenda-se a abstinência total deste tipo de substâncias;

Medicação Crónica:
Deve ser adequada a toma de medicação crónica, designadamente em doenças como a epilepsia; a hipertensão e a diabetes. As grávidas que sofram de doenças crónicas têm de ter um maior acompanhamento médico durante a gestação.

Doenças infecciosas e imunizações:
Uma mulher que pense engravidar deve ter a vacinação anti-tetânica em dia, fazer o rastreio da infecção pelo VIH e da sífilis, fazer a vacinação da hepatite B e da rubéola. A mulher só pode engravidar três após a vacina da rubéola.
Deve também estabelecer se a mulher é imune à toxoplasmose e ao CMV.

Nutrição e Peso:
As mulheres que pensem engravidar devem fazer uma suplementação com ácido fólico, que deve ser feita numa dose acrescida no caso da diabetes e da epilepsia;
O consumo de vitaminas e de cafeína deve ser moderado.
Excesso ou défice de peso podem implicar algumas complicações durante a gravidez.
Numa consulta pré-concepcional, a saúde oral, bem como o risco psico-social da mulher (violência doméstica, saúde mental e situação financeira) são também despistados.

domingo, 24 de outubro de 2010

Segredos Culinários revelados 12

Maionese:

1. Para conservar a maionese por vários dias, adicione uma colher de sopa de água quente, misture bem e guarde num vidro tampado, na geladeira.

2. Se a maionese talhar, pingue água fervente, aos poucos, sem parar de bater, até que ela volte ao normal.

3. Se a maionese começar a desandar, escorra o azeite, junte uma ou mais gemas, conforme a quantidade de molho, e bata novamente, de acordo com a receita.

4. Faça maionese verde acrescentando folhas de agrião ou de espinafre, bem picadas, à maionese já engrossada.

5. Quando a maionese batida no liquidificador desandar, retire e coloque um ovo inteiro no liquidificador. Depois, vá acrescentando a maionese desandada aos poucos, com o aparelho ligado, até que ela endureça novamente.

6. Para bater a maionese, utilize sempre uma vasilha de louça ou vidro, nunca de alumínio.

7. Retire a maionese que ficar no fundo do vidro com suco de limão. A mistura dará um ótimo molho para saladas.

8. Para dar um sabor especial à salada de maionese, acrescente aos temperos um pouco de açúcar.

9. No preparo de saladas, você poderá substituir a maionese por um iogurte temperado com sal, salsa, orégão, alho socado, cebolinha batida, cebola cortada ou pedacinhos de picles.

Manchas:

1. Você tirará facilmente manchas de gordura de tecidos aplicando, nos locais manchados, uma gema dissolvida em um pouco de água. Para clarear manchas de mercúrio das roupas, utilize o mesmo método.

2. Para tirar manchas de banha, manteiga, cera ou graxa de tecidos, coloque a parte manchada entre dois mata-borrões e passe o ferro quente. Depois, limpe com benzina, éter, amoníaco, talco ou água quente com sabão.

3. Para tirar manchas de graxa, passe no local manchado óleo de cozinha e deixe por dez minutos. Depois, lave com bastante água morna e sabão.

4. Se você manchou a roupa com café, passe rapidamente sobre o local uma pedra de gelo. Depois, enxugue com uma toalha.

5. Você retirará com facilidade as manchas de óleo de carro e de piche passando na roupa, depois de lavada, um pouco de querosene. Depois, lave a roupa novamente.

6. Para tirar manchas de ferrugem de tecidos, coloque sal sobre o local manchado, pingue algumas gotas de limão, deixe secar ao sol e depois lave.

7. Para tirar as manchas que ficam nas meias brancas, por causa do uso, é bom fervê-las com água e algumas fatias de limão. Deixe ferver por alguns minutos. Depois, escorra, esfregue bem o local manchado com sabão e enxágüe.

8. Para retirar chiclete grudado em tecidos, coloque sobre ele uma folha de papel e passe o ferro bem quente. Assim, o chiclete desgrudará com facilidade.

9. Para remover o amarelado e as manchas de ferrugem das pias de cozinha e peças de banheiro, embeba um chumaço de algodão em água oxigenada e passe suavemente sobre as manchas, até que elas desapareçam.

10. Para tirar manchas de tinta de caneta de tecidos, deixe-os de molho no leite cru.

11. Para tirar manchas de caneta esferográfica de tecidos, umedeça o local manchado com um pano embebido em vinagre. Depois, enxugue sem esfregar.

12. Coloque leite fervente sobre os tecidos manchados por frutas. Assim, as manchas sairão facilmente.

13. Para tirar manchas de frutas de tecidos, use uma mistura de água morna, leite azedo, sumo de um limão ou vinagre branco.

Mandioca:

1. Coloque as mandiocas descascadas no congelador por trinta minutos. Depois, corte em pedaços e cozinhe. Assim, elas amolecerão por igual.

2. Se você comprou mandioca e não quer preparar no mesmo dia, descasque e coloque numa vasilha, coberta com água, dentro da geladeira. Assim ela não estragará.

3. Você pode conservar a mandioca fresca pelo menos por um mês se descascar, lavar, secar bem e guardar em saco plástico usado, dentro do congelador.

4. Para cozinhar a mandioca mais rapidamente, não coloque sal na água. Depois de cozida, tempere a gosto.

5. Se a mandioca demorar muito para amolecer, troque a água quente por fria. Tampe a panela e leve ao fogo. Depois da primeira fervura, a mandioca ficará macia.

Manteiga:

1. Para amolecer a manteiga gelada, encha uma tigela com água fervente. Depois, esvazie a tigela e vire ainda quente, sobre a manteiga. Assim, ela amolecerá sem derreter.

2. Retire a manteiga da embalagem, coloque num recipiente e cubra com água. Depois, coloque uma colher de sobremesa de sal na água e leve à geladeira. Assim, a manteiga se conservará fresquinha.

3. Se uma receita pedir 1/3 xícara de manteiga ou margarina, meça da seguinte forma: coloque 2/3 de água numa xícara e vá adicionando a manteiga ou margarina, aos pedaços, até que a água alcance a borda da xícara.

4. Ao fazer refogados, experimente trocar a manteiga comum por esta, temperada: misture 100 gramas de manteiga com a casca ralada de meio limão e duas colheres de sopa de cheiro-verde. Você pode guardar esta manteiga na geladeira até por dois meses.

5. Ao aquecer manteiga para frituras ou refogados, evite que ela se queime juntando à panela algumas gotas de óleo.

6. Coloque um pouco de manteiga ou margarina derretida na massa da panqueca. Assim, você não precisará usar óleo cada vez que colocar a massa para fritar.

Imagem da Net

Cancro. Sinal de esperança


Transcrição de artigo:


Correio da Manhá 24-10-2010

Estudo realizado em mais de 1000 doentes revela existência de molécula comum

O Instituto Nacional Francês de Pesquisa Médica, descobriu a existência de um marcador biológico comum em onzes tipos de cancro.

Pesquisadores franceses, liderados pelos Dr. Nicolae Ghinea, trouxeram esperança na detecção de tumores ao descobrirem uma molécula comum em pelo menos onze cancros.

O Instituto Nacional Francês de Pesquisa Médica, descobriu a existência de um marcador biológico comum em onzes tipos de cancro.

O estudo foi realizado em mais de 1000 doentes com cancro e demonstrou que em todos eles a molécula FSH’ esteve presente.

Os investigadores esperam agora que haja a possibilidade de reconhecer o mais rapidamente possível esta molécula pata que se possa oferecer um tratamento preventivo aos pacientes no início da doença.

sábado, 23 de outubro de 2010

Segredos Culinários revelados 11


Legumes:

1. Para tirar a baba pegajosa dos quiabos, pingue algumas gotas de limão por cima.

2. Para fazer um picles mais saboroso, ferva bem o vinagre com um pouco de açúcar para soltar a acidez. Depois de evaporar um pouco, desligue o fogo, deixe esfriar e despeje sobre os legumes, previamente escaldados.

3. Para que o palmito fique macio como os de lata, leve ao fogo o suco de um limão grande, água e sal. Quando estiver fervendo, desfolhe o palmito e corte, com uma faca inoxidável, diretamente na água fervente. Deixe cozinhar até ficar macio, escorra e prepare como quiser.

4. As beterrabas conservarão seu colorido se forem cozidas com casca e um pedacinho de caule. Adicione uma pitada de açúcar à água do cozimento. Assim, as beterrabas ficarão mais saborosas.

5. A água que você usou para cozinhar as beterrabas pode ser aproveitada no cozimento do feijão.

6. Antes de fritar berinjelas, passe na farinha de rosca misturada com clara de ovo. Assim, elas não absorverão muito óleo. Corte a berinjela crua em fatias e mergulhe em água com um cálice de leite, durante meia hora. Dessa forma, a berinjela fica mais macia e não escurece.

7. Deixe para picar o pimentão após a cebola. Ele tirará facilmente o cheiro de cebola das mãos. Para tirar o cheiro de pimentão, basta lavar as mãos com água e sabão.

8. Antes de usar o pepino, corte suas extremidades e esfregue bastante as partes cortadas nos dois lados do pepino, até sair toda a gosma. Assim, ele não amarga. Depois, corte em rodelas bem finas, sem tirar a casca, para aproveitar toda a sua vitamina.

9. O tomate não estragará se você colocá-lo dentro de uma vasilha com farinha de trigo. Guarde a vasilha dentro ou fora da geladeira.

10. Coloque meia xícara de leite na água em que for cozinhar couve-flor. Ela ficará mais alva e saborosa e não desprenderá seu cheiro característico.

11. Lave as folhas da beterraba e coloque numa vasilha com água e um pouco de vinagre branco. Escorra e pique. Depois, acrescente as folhas picadas a um refogado feito com dois dentes de alho e duas colheres de sopa de azeite de oliva. Adicione uma pitada de sal e uma de pimenta-do-reino. Você terá um acompanhamento muito nutritivo para carnes.

12. Para tirar a pele do tomate com facilidade, espete um garfo e passe o tomate na chama do fogão.

13. Aproveite a água do cozimento dos legumes, pois ela contém sais minerais e vitaminas.

Leite:

1. Antes de ferver leite, enxágüe a leiteira com água fria e não enxugue. Assim, o leite não ficará grudado no alumínio, facilitando a lavagem da vasilha.

2. Para que o leite não absorva os outros odores da geladeira, guarde-o sempre numa vasilha tampada.

3. Se você colocar um pires virado com a boca para baixo dentro da leiteira, antes de levar ao fogo, o leite não transbordará quando ferver.

4. Você também evitará que o leite derrame, ao ferver, se colocar uma colher dentro da leiteira.

5. O leite coalhado é ótimo para ser usado em bolos.

Limpeza de panelas:

1. Para que a panela não fique preta ao ferver ovos, coloque dentro um pedacinho de limão ou umas gotinhas de vinagre.

2. Limpe as panelas de Tefal com jornal e pó de café usado, e as panelas esmaltadas com álcool.

3. Os resíduos de alimentos cozidos que ficam grudados no fundo da panela sairão facilmente se você colocar quatro
colheres de sopa de sal e um pouco de água e deixar ferver durante quinze minutos.

4. Para que o fundo das panelas de alumínio continue brilhando depois de lavadas, coloque as panelas molhadas durante dois ou três minutos sobre o fogo. Depois, passe uma palha de aço seca para dar brilho.

5. Para tirar a marca avermelhada que fica na panela de pressão quando você cozinha feijão, lave a panela e coloque sobre o fogo para secar. Quando a panela estiver bem quente, jogue água e esfregue com palha de aço.

6. Para tirar as manchas amarelas da panela depois de uma fritura, ensaboe bem a parte amarelada e deixe esquentar. Depois, passe uma palha de aço enquanto a panela estiver quente.

7. Para tirar as manchas da frigideira de alumínio, cozinhe dentro uns pedaços de maçã com água durante alguns minutos. As manchas sairão facilmente.

Limpeza de utensílios:

1. Para lavar louça, você pode usar um detergente barato e acrescentar, para cada meio litro, uma colher de sopa de vinagre. O vinagre cortará a gordura e deixará a louça brilhando.

2. A nata do leite serve para limpar objetos de prata.

3. Para facilitar a limpeza do ralador de queijo, passe uma batata crua sobre sua superfície. A batata retirará os resíduos de queijo.

4. Para limpar peças de prata, mergulhe-as numa solução de água fervente com sal e deixe por cinco minutos. Depois, lave as peças em água corrente com sabão de coco.

5. Para limpar talheres e objetos de prata, use a água em que você cozinhou batata.

6. Antes de ralar queijo, pincele o ralador com óleo. Na hora de lavar, o queijo se soltará mais facilmente.

7. Tire as manchas da pia de aço inoxidável com um pano embebido em álcool. Se houver ferrugem, passe fluido de isqueiro, depois gotas de óleo de oliva e, em seguida, uma esponja com detergente. A pia ficará novinha.

8. Para limpar o mármore, esfregue-o com um saquinho de sal, molhado.

9. Para retirar a gordura do exaustor de cozinha, retire o filtro e deixe de molho em água bem quente, com algumas gotas de detergente. Enxágüe bem antes de recolocar no lugar.

Imagem da Net

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Sementes de linhaça- benefícios

 
A linhaça é considerada como um alimento funcional, ou seja, que contém, além de seus nutrientes básicos (hidratos de carbono, proteínas, gorduras e fibras), elementos que podem diminuir o risco de algumas doenças pois seu uso contínuo pode proporcionar aumento da defesa orgânica e redução do ritmo de envelhecimento celular.

na composição da semente de linhaça estão presentes proteínas, fibras alimentares e ácidos gordos poli-insaturados (ómega 3 e ómega 6), que lhe conferem a propriedade de alimento funcional. a semente de linhaça é a mais rica fonte de ómega 3 existente na natureza.

os investigadores do instituto cientifico para o estado da linhaça do canadá e dos estados unidos, têm focado sua atenção no papel desta semente na prevenção e cura de numerosas doenças degenerativas.

muitos estudos estão sendo desenvolvidos para confirmar os benefícios do consumo regular da semente de linhaça. alguns desses estudos afirmam que a linhaça poderia ajudar a baixar os níveis de colesterol, pois é rica em fibras solúveis. também esta sendo estudada outras funções e tem benefícios como:

-- rejuvenescedor
-- baixa de peso
-- auxilia no combate a anemia
-- auxilia no combate ao cancro: de mama, de próstata, de cólon, de pulmão, etc...
-- auxiliar no combate à acne.
-- auxiliar no equilíbrio hormonal, amenizando distúrbios causados pela tpm e menopausa;
-- auxiliar na diminuição do risco de aterosclerose;
-- auxiliar no controle da diabetes - da glicémia


[o consumo regular de linhaça favorece o controle dos níveis de açúcar no sangue. esta é uma excelente notícia para os insulina dependentes.]


-- vitalidade Física
-- sistema Digestivo
-- sistema Nervoso
-- doenças Inflamatórias
-- retenção de Líquidos
-- sistema Imunológico
-- sistema Cardiovascular
-- funcionamento Intestinal
-- para o auxílio na redução de colesterol ruim, dos sintomas de TPM, menopausa
-- para combater a agressividade e a obesidade
-- condições da Pele e do Cabelo

composição nutricional de 15 g da semente de linhaça:

valor calórico 43 Kcal
hidratos de carbono 1 g
proteínas 2 g
gorduras totais 3 g
gorduras saturadas 0 g
gorduras trans 0 g
fibra alimentar 3 g
ómega-3 58%
ómega-6 16 %
sódio 7,8 mg

além disso, é a maior fonte alimentar de lignanas, compostos fitoquímicos parecidos com o estrogénio, que teriam propriedades anti-cancerígenas, principalmente em relação ao cancro da mama e cólon. ainda contém vitaminas b1, b2, c, e e caroteno e minerais como ferro, zinco, alguma quantidade de potássio, magnésio, fósforo e cálcio.

a semente de linhaça moída trás mais benefícios nutricionais que a semente inteira, que possui uma casca dura, difícil de digerir. portanto, uma forma fácil quebrar as sementes é passá-la num moedor de café, muito levemente, para que não vire pó. depois, usar imediatamente.
as sementes podem ser utilizadas em iogurtes, saladas, sucos, vitaminas, misturada com cereais, massas de pães e bolos e em todos os outros alimentos. também pode substituir o óleo ou gordura utilizada numa receita. por exemplo, se uma receita pedir 1/3 chávena (chá) de óleo, use 1 colher (sopa) de semente de linhaça moída, em substituição.


vitalidade física:

um dos mais notáveis indicativos de melhora devido ao consumo de linhaça é o incremento progressivo na vitalidade e na energia. a linhaça aumenta o coeficiente metabólico e a eficácia na produção de energia celular. os músculos se recuperam da fadiga do exercício.


baixa de peso:

a linhaça moída é excelente para baixa de peso, pois elimina o colesterol em forma rápida. ajuda a controlar a obesidade e a sensação desnecessária de apetite, por conter grandes quantidades de fibra dietética, tem cinco vezes mais fibra que a aveia. se deseja diminuir o seu de peso, tome uma colher a mais à tarde.


combate ao cancro:

[de mama, de próstata, de cólon, de pulmão, etc...]
a semente de linhaça contém 27 componentes anti-cancerígenos, um deles é a lignina. a semente de linhaça contém 100 vezes mais lignina que os melhores grãos integrais. nenhum outro vegetal conhecido até agora iguala essas propriedades. protege e evita a formação de tumores. no cancro, recomenda-se combinar as sementes de linhaça moídas com queijo cottage baixo em calorias.


condições da pele e do cabelo:

com o consumo regular de sementes de linhaça você notará como sua pele volta-se mais suave . é útil para a pele seca e pele sensível aos raios do sol. é ideal para problemas na pele, tais como a psoríase e eczema. recomenda-se também como máscara facial para uma limpeza profunda da pele. ajuda na eliminação do pano branco, manchas, acne, espinhas, etc. é excelente para a calvície. essa é uma boa notícia para quem sofre de fixar e nutrir o cabelo.


sistema digestivo:

prevenção do cancro de cólon e ajuda no tratamento. ideal para a prisão de ventre, acidez estomacal. lubrifica e regenera a flora intestinal. excelente na expulsão de gases gástricos. é um laxante por excelência. previne os divertículos nas paredes do intestino. elimina toxinas e contaminadores.


sistema nervoso:

é um tratamento para a pressão. as pessoas que consomem linhaça sentem uma grande diminuição da tensão nervosa e uma sensação de calma. ideal para pessoas que trabalham sob pressão. melhoras funções mentais dos anciãos melhora os problemas de conduta (esquizofrenia). a linhaça é uma dose de energia para o cérebro, porque contém os nutrientes que reduzem mais neurotransmissores (reanimações naturais) .


doenças inflamatórias:

o consumo de linhaça diminui as condições inflamatórias de todo tipo. refere-se a todas aquelas doenças terminadas em "ite", tais como: gastrite, hepatite, artrite, colite, amigdalite, meningite, etc.


retenção de líquidos:

o consumo regular de linhaça, ajuda aos rins a excretar água e sódio. a retenção de água (edema) acompanha sempre a inflamação de tornozelos, alguma forma de obesidade, síndrome pré-menstrual, todas as etapas do cancro e as doenças cardiovasculares.


sistema imunológico:

a linhaça alivia alergias, é efectiva para o lúpus. a semente de linhaça por conter os azeites essenciais ómega 3, 6, 9 e um grande conteúdo de nutrientes que requeremos constantemente, faz com que nosso organismo fique menos doente, por oferecer uma grande resistência às doenças.


sistema cardiovascular:

é ideal para tratar a arteriosclerose, elimina o colesterol aderido nas artérias, esclerose múltipla, trombose coronária, alta pressão arterial, arritmia cardíaca, incrementa as plaquetas na prevenção da formação de coágulos sanguíneos. é excelente para regular o mau colesterol. o uso regular de linhaça diminui o risco de padecer de doenças cardiovasculares.

uma das características únicas da linhaça é que contém uma substância chamada taglandina, a qual regula a pressão do sangue e a função arterial e exerce um importante papel no metabolismo de cálcio e energia.

[o dr. j h. vane, ganhou o prémio Nobel de medicina em 1962 por descobrir o metabolismo dos azeites essenciais ómega 3 e 6 na prevenção de problemas cardíacos.]

uma outra forma de conseguir os benefícios da linhaça é consumir o óleo de linhaça, que é extraído da semente inteira, usando métodos de extracção desenvolvidos especialmente para este fim (a frio). o produto obtido é engarrafado (para ser usado em saladas ou pratos frios) ou colocado em cápsulas gelatinosas, sendo utilizado como suplemento de ómega-3.


funcionamento intestinal:

para melhorar o funcionamento intestinal: de uma noite para o dia, coloque 1 colher (sopa) de semente de linhaça em ½ copo de água e deixe "descansar" por 12 horas, tome somente a água em jejum pela manhã. para evitar o desperdício as sementes podem ser adicionadas sobre saladas, iogurtes vitaminas...


para o auxílio na redução do mau colesterol, dos sintomas de tpm, menopausa:

consuma diariamente 1 colher (sopa) de semente de linhaça levemente triturada (só para quebrar a casca) sobre os alimentos. evite que as sementes passem por processos térmicos de aquecimento para que sua gordura boa não oxide.

para combater a agressividade e a obesidade:

- duas colheres de sopa de linhaça trituradas na água, sumo, sopa ou iogurte, todos os dias; tomados em intervalos durante o dia na média de 4x ao dia; essas duas colheres.

- 1 colher de sopa de sementes de linhaça moídas em 3 colheres de sopa de água.

Modo de preparação:

misture a farinha e a água em uma tigela pequena. deixe descansar por 1 a 2 minutos. (torna-se muito espessa se ficar mais tempo). em algumas receitas abundantes em líquidos, as sementes de linhaça moídas podem ser adicionadas directamente aos ingredientes secos.


modo de usar na maioria dos casos:

duas colheres de sopa por dia, levemente trituradas (só para quebrar a casca) misturadas num copo de sumo de fruta, sobre a fruta, com a aveia, iogurte, ao pequeno almoço ou almoço. para todas as idades, inclusive mulheres grávidas.

informação retirada daqui

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Segredos Culinários revelados 10


Frutos do mar:


1. As conchas de ostras abrirão facilmente se forem lavadas em água fria e depois guardadas no congelador, dentro de sacos plásticos, por uma hora.

2. Quando cozinhar lagosta, junte uma cebola à água de cozimento. Quando a cebola estiver cozida, a lagosta também estará.

3. Para cozinhar mexilhões ou vôngoles, não coloque água, mas apenas um pouquinho de óleo. Leve a panela tampada ao fogo. Eles cozinharão no próprio caldo.

4. A casca dos camarões sairá facilmente se você despejar por cima água fervente com um pouco de limão ou vinagre.

5. Ao fazer camarão, guarde as cascas num recipiente fechado, dentro do congelador. Elas poderão ser utilizadas no preparo do arroz. Para isso, ferva a parte, a água com as cascas do camarão. Depois, é só cozinhar o arroz nessa água que ele ficará com gostinho de camarão.

6. Empane os camarões em mel e depois passe na farinha de rosca. Frite em bastante óleo. Eles ficarão com um sabor especial.

7. Se você cozinhar o camarão com casca em cerveja, ele ficará com um sabor parecido com o da lagosta.

8. Lave e enxugue os camarões. Coloque um por um numa assadeira, jogue sal por cima e leve ao forno para secar. Frite-os e use no preparo de molhos, croquetes, saladas e outros pratos.

9. Para eliminar o cheiro do camarão, acrescente à água fervente, durante o cozimento, um talo de salsão.

10. Para retirar facilmente as tripas do camarão, use uma agulha de crochê bem fina.

11. Lave os camarões com casca e ferva em água sem sal. As cascas se soltarão com facilidade enquanto os camarões ainda estiverem quentes.

Gelatina:

1. Quando uma receita pedir gelatina em folha e você só tiver em pó, use uma colher de chá para cada folha de gelatina pedida na receita.

2. Ao fazer gelatina, substitua um copo de água por um copo de leite. Assim, você aumentará o seu valor nutritivo.

3. Para que o sagu endureça mais rápido, não acrescente o suco ou vinho já adoçado antes do cozimento. Deixe o sagu cozinhar primeiro e depois coloque o açúcar.

4. Para desenformar gelatina com facilidade, mergulhe a fôrma por um instante em água fervente. Ou, ainda, ensope uma toalha com água quente, torça e enrole em volta da fôrma por cerca de quinze minutos. Depois, desenforme dando uma rápida batida na fôrma.

Gelo:

1. Para moer gelo, coloque a quantidade desejada num guardanapo, junte as pontas e aperte bem em volta do gelo. Use um batedor de carne para socar.

2. Se você quiser dar um toque especial aos sucos de frutas, substitua os cubos de gelo feitos com água por cubinhos de gelo do próprio suco.

3. Para que as fôrmas de gelo não grudem no congelador, coloque um pouco de sal no lugar onde elas serão assentadas.

4. Coloque no congelador uma folha de papel-manteiga. Assim, as fôrmas de gelo não ficarão grudadas.

5. O gelo ficará bastante decorativo se você colocar em cada uma das forminhas uma folha de hortelã, uma cereja ou um gomo de tangerina, antes de levar a água ao congelador.

6. Passe uma fina camada de óleo sob as fôrmas de gelo ou qualquer outra vasilha que vá ao congelador. Assim, elas não grudam no congelador e ficam mais fáceis de serem retiradas.

Grãos e cereais:

1. Cozinhe a espiga de milho em água sem sal. Só depois de cozida é que a espiga deve ser deixada em água salgada. Assim, ela não fica dura.

2. Para melhor conservação do germe de trigo, guarde-o sempre num pote fechado, na geladeira. Isso evita que ele se deteriore.

3. O milho de pipoca deverá ser guardado no congelador. Assim, ele ficará fresco e não terá muitos piruás. Você obtém o mesmo resultado se deixar o
milho de molho em água gelada antes de fritar.

4. Antes de empanar carne de frango, porco ou peixe, misture algumas colheres de sopa de germe de trigo à farinha de rosca. Assim, o empanado ficará mais saboroso, nutritivo e com melhor textura.

5. Para você fazer economia e obter um cozimento mais rápido dos grãos de cereais, deixe que eles fiquem sempre de molho antes de levá-los ao fogo para cozinhar.

6. As ervilhas não perderão a cor se você juntar uma pitada de açúcar à água de fervura.

Insetos:

1. Depois de limpar os armários da cozinha, distribua algumas folhas de louro dentro deles. Assim, você evita o aparecimento de baratas.

2. Se você notou que seu armário tem baratas, coloque dentro um pires com três dentes de alho amassados com um pouco de sal.

3. Para espantar formigas da cozinha, espalhe sal ou talco nos cantos onde elas aparecem. Você pode usar também cascas de pepino.
4. Você impedirá o aparecimento de formigas no açúcar colocando pedacinhos de casca de limão nos
depósitos ou açucareiro.

5. Coloque um vidrinho com álcool, bem tampado, no
recipiente em que você guarda o açúcar. Assim, você evita o aparecimento de formigas.

6. Para acabar com as formigas da cozinha, coloque pó de café usado nos lugares em que elas costumam aparecer.