Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

quarta-feira, 27 de maio de 2015

GOJI - SUPERALIMENTO


O Goji é um superalimento referido num post aqui publicado,há quase um ano, mas que não teve a devida atenção por ter sido inserido num conjunto de produtos afins. Mas merece sr destacado e, por isso lhe é dedicado este post.

Os superalimentos, são produtos naturais caracterizados pela concentração de nutrientes e, por indicação terapêutica, para prevenir cancro e doenças degenerativas ou problemas como o colesterol e a obesidade e, por isso, para retardar o envelhecimento 
São lhes atribuídas propriedades extraordinárias.
A sua comercialização tem vindo a crescer de forma espantosa.

As bagas de goji têm como parceiros nos efeitos as sementes de chia, a maçã biológica peruana, a spirulina alga azul e verde, o açaí fruto da Amazónia. As bagas de goji são conhecidas pelas propriedades anti-envelhecimento, muito apreciadas pelos monges tibetanos, são considerado uma das frutas mais ricas.
As bagas goji ajudam a prevenir as doenças degenerativas. As sementes de linhaça, de cânhamo e de chia ajudam a baixar o colesterol devido à fibra e aos ácidos gordos essenciais, o açaí combate as células cancerígenas. Quem come açaí de forma regular irá ter o sistema imunitário reforçado.

Mas para muitos dos consumidores, a razão para comprar estes produtos está mais relacionada com os benefícios para a saúde, com a vontade de evitar doenças de forma natural, sem o perigo dos efeitos colaterais. A maioria deles são ricos em ómega 3, proteína e energia, e podem ser consumidos pela maioria das pessoas, por serem alimentos naturais, salvo em caso de alergia a um determinado componente.

A Internet contém informação muito prolixa e de fácil consulta, bastando escrever, no google, o nome do produto pelo que, fica aqui apenas uma referência resumida.




Sem comentários: