Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Queimaduras, como tratar - 2

Como tratar queimaduras

Este texto foi-me enviado por e-mail e embora tenha recentemente publicado um pedido para mais textos pessoais, não resisti, porque conforme não sabia, podem haver mais pessoas que como eu não saibam.

Ainda, como não sou de acreditar facilmente no que não está cientificamente provado, fui procurar na Net e recomendo que leiam este link Queimaduras

As minhas duas dolorosas experiências com queimaduras, todas na cozinha, foram tratadas com água, sim, abundantemente e posteriormente fui colocando em camadas muito espessas mas sem quase tocar a pele, um gel especial que tenho sempre em casa, (o meu sogro era farmacêutico e o filho tem curso de primeiros socorros), e obviamente, hospital logo de seguida. Uma delas foi com vapor da panela de pressão, que abri à força, dando uma pancada na tampa e que me apanhou todo o rosto, não tenho a mínima marca!!! A outra foi com óleo de fritura sobre uma coxa num dia de Verão, quando estava em shorts. O mesmo procedimento e fiquei igual a mim mesma.

Eis o texto, com a minha adaptação para Português.

Como tratar queimaduras

Num curso de "AGENTE DE SAÚDE COMUNITÁRIA" ensinaram-me que, na hora da queimadura, seja lá a extensão que for, a primeira providência a tomar é; colocar a parte afectada debaixo de água fria corrente até que o calor diminua e pare de queimar muitas camadas de pele. O seguinte passo é passar clara de ovo, levemente batida, só para que seja mais fácil de aplicar.

Uma pessoa que queimou grande parte de uma das suas mãos, ao deixar cair água a ferver da cafeteira, colocou então a mão debaixo da torneira bastante tempo para tirar o calor e a violenta dor inicial.
Abriu de seguida dois ovos e separou as claras, bateu um pouco, e ficou com a mão na clara.
A mão estava tão queimada que, assim que ela colocava a clara em cima, secava e ficava uma película chamada colagénio natural.

Ficou assim algum tempo, a colocar camadas de claras na mão.

À tarde, não sentiu mais dor e, no dia seguinte, apenas havia a marca vermelha arroxeada onde se tinha queimado.
Dez dias depois, não havia nenhuma marca da queimadura, nem a cor da pele mudou.

Aquela parte queimada foi totalmente recuperada pelo colagénio existente na clara de ovos que, na verdade é uma placenta e é cheia de vitaminas.

Como afirmei previamente, não é a minha experiência pessoal, mas pode ser que alguém saiba mais e assim deixo em aberto a questão.
Será verdade??? Espero muitas respostas e fundamentadas.
Estou-me a lembrar da minha amiga Lisa - do Agulheta - Mar de Chamas - que foi e continua como voluntária, a ser soldado da paz - Bombeira.

NPTA: Neste blogue, já existe o post Queimaduras, como tratar de 28 de Novembro de 2009, em *.pps a dizer isto, mas como não está sendo fácil pesquisar, publico este texto.

Sem comentários: