Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Leguminosas

Este grupo alimentar deve fazer parte do seu cardápio diariamente.
De acordo com a pirâmide alimentar, devemos comer uma porção deste grupo alimentar todos os dias.

Este grupo alimentar é fonte de proteínas vegetais e apresenta em sua composição, carboidratos complexos, fibras, vitaminas do complexo B, minerais como potássio, fósforo, magnésio, zinco, ferro, cálcio e pouca quantidade de colesterol e sódio

Embora as leguminosas possuam grande quantidade de ferro, um mineral importantíssimo para o corpo humano, o ferro presente nos alimentos deste grupo alimentar é de baixa disponibilidade, sendo indicado consumir algum alimento em conjunto, fonte de vitamina C (frutas cítricas, como: laranja, morango, etc.), para que assim aumente absorção deste mineral.
“As leguminosas são os grãos produzidos em vagens: feijões, lentilha, grão-de-bico, soja, ervilha, fava e amendoim”

As leguminosas possuem fibras solúveis e insolúveis, que colaboram para um bom trabalho intestinal e contribuem para o controle dos níveis de colesterol no sangue. Além disso, este grupo alimentar tem baixo índice glicêmico, o que indica mais saciedade.

Podemos encontrar também nas leguminosas, principalmente na soja, as isoflavonas, substância antioxidante, que como revelam alguns estudos, podem reduzir os níveis de colesterol, prevenir o risco de doenças cardiovasculares e equilibrar o hormônio feminino estrógeno, minimizando os sintomas da menopausa.

Saiba a seguir, um pouco mais sobre cada leguminosa:

Feijão – Há muitos tipos de feijões, entre eles podemos citar: feijão preto, branco e vermelho,fradinho, verde e outros. Podem ser preparados como saladas, feijoada, apenas cozidos e acompanhados de o arroz tradicional, tornando-se uma mistura muito nutritiva. O valor calórico deste grão pode variar, de acordo com o tipo de feijão e a preparação.

Lentilha – A lentilha é um grão muito saboroso, mas é muito importante ter cuidado com os ingredientes utilizados na sua preparação culinária, pois muitos acrescentam paio, linguiça, bacon, tornando-se um prato muito calórico. Pode ser servida quente ou fria, em saladas, com arroz ou em sopas. Uma concha média de lentilha cozida fornece 105 kcal.

Grão-de-bico – Este grão pode ser consumido como salada, acrescentado em cozidos, sopas, etc. Uma colher de sopa do grão-de-bico cozido fornece aproximadamente 30 kcal.

Soja – Actualmente este é o grão mais estudado por muitos pesquisadores, pois possui inúmeras propriedades funcionais. O grão pode ser consumido como salada, acrescentado em sopas, cozidos, etc. A sua farinha pode ser ingrediente de bolos, tortas e biscoitos. A partir do grão podemos ter os seus derivados, como: extracto leitoso, conhecido como leite de soja, queijo, farinha, proteína texturizada, conhecida como carne de soja, etc. Uma colher de sopa do grão cozido fornece em média 32 kcal.

Ervilha – Pode ser consumida seca ou verde, temos a ervilha vagem, conhecida como ervilha torta e a ervilha em grão. Encontramos em forma de salada, em recheios de forma geral, em omeletes, sopas e cremes, etc. Uma colher de sopa da ervilha em grão tem em média 18 kcal e 1 colher de sopa da ervilha vagem cozida fornece 43 kcal.

Fava – Também conhecida como feijão-fava, quando verde é considerada uma hortaliça, depois de seca é uma leguminosa. Também utilizada para o preparo de saladas, acompanhada de arroz e cozida. Uma colher de sopa tem aproximadamente 67 kcal.

Amendoim – Apesar de pertencer ao grupo das leguminosas, apresenta maior teor de gordura, por isso, muito cuidado na quantidade a ser consumida. Uma colher de sopa de amendoim inteiro cru tem em média 112 kcal.

Agora que você já conhece um pouco de cada leguminosa e suas propriedades, consuma todos os dias, varie bastante nos tipos e preparações, elaborando sempre pratos saudáveis e equilibrados.

Informação recolhida e adaptada da Net
Fernanda Ferreira (Ná)

3 comentários:

A. João Soares disse...

Querida Ná,

Obrigada, por trazer aqui estes conselhos tão úteis. O perigo da gordura do amendoim não é grande pois o organismo precisa de gordura e esta é mais benéfica do que a de origem animal, principalmente de carne.

Beijos
João

Fernanda disse...

Querido amigo João,

Eu também como às vezes e fiquei com receio que estivesse a comer demasiadas vezes.
Obrigada pelo aviso, de qualquer forma vou reduzir o consumo.
Beijinhos

A. João Soares disse...

A T E N Ç Ã O

AS IMAGENS QUE DESAPARECERAM NOS POSTS DESTA COLABORADORA DEVEM-SE, PROVAVELMENTE, A UM «LAPSO» DELA.
Pedimos paciência aos amigos visitantes.

Cumprimentos
João