Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

segunda-feira, 5 de julho de 2010

Bacalhau à Zé do Pipo / Pudim de gelatina de ananás

Ingredientes:
4 postas de bacalhau
4 cebolas
1 colher de sopa de azeite
7,5 dl de leite
Sal q.b.
Pimenta moída no momento
Louro
Puré de batata
3dl de maionese sem ovo
Salsa picada
Azeitonas

Confecção:

1. Demolhe o bacalhau de um dia para o outro e coza-o em leite

2. Corte as cebolas em fatias e salteie no azeite. Tempere com sal, pimenta e louro; junte um pouco do leite onde cozeu o bacalhau.
Coloque o bacalhau cozido num pyrex e verta o molho de cebola com leite por cima.

3. À volta do pyrex faça um muro de puré de batata com a ajuda de um saco de pasteleiro.
No meio, cubra o bacalhau com mayonnaise.
Leve ao forno a gratinar e sirva polvilhado com salsa e enfeitado com azeitonas.

Para sobremesa: Pudim de gelatina de ananás

Com o calor a continuar a fazer-nos desejar coisas fresquinhas,encontrei esta receita, super fácil e rápida. È uma sobremesa, delicada, entre o mousse e o semifrio, desenjoativa, e refrescante. Cá em casa desapareceu num instante..

Quem não gostar de ananás poderá fazer com outros sabores.

E aqui vai o que é preciso: 5 colheres (sopa) de açúcar

1 colher (sopa) farinha maizena
4 ovos
1 gelatina de ananás
canela e amêndoa (para decoração)
5 dl de leite

À parte num pouco de leite mistura-se a maizena com o açúcar e um pouco de leite, (para não criar grumos) e mexe-se, junta-se ao restante leite, assim como as gemas de ovos (4). Vai ao lume (brando) a engrossar, quando começar a engrossar , retira-se do lume e junta-se o pacote de gelatina, vai então de novo a engrossar mexendo sempre.Apaga-se o lume e reserva-se. À parte bate-se as claras em castelo(4) e junta-se ao creme, envolvendo muito bem.

Passa-se a forma de pudim por água e despeja-se a mistura.

Vai ao frigorífico para ficar bem fresquinha. Para desenformar melhor, descolam -se as beiradas do pudim , vira-se para um prato de servir e põe-se sobre o fundo da forma um pano molhado em água quente(para ajudar a desenformar. Torram-se um punhado pequeno de amêndoas, pode ser mesmo numa frigideira,lume brando e virando as amêndoas, depois trituram-se em tamanho a gosto, e misturam-se com canela em pó, polvilhando a superfície do pudim com essa mistura.
Dá-lhe um toque diferente em sabor.

Bom apetite!


Na Casa do Rau

6 comentários:

A. João Soares disse...

Querida Amiga Ná,

Qualquer dia fico obeso só de olhar estas imagens e de saborear o texto!
Este blog está a tornar-se de presença obrigatória na prateleira de qualquer cozinha que se preze!!!

Parabéns pelo dinamismo

Beijos
João

Fernanda disse...

Querido João,

Agora nesta adega de fundo, sinto-me de novo no meu ambiente favorito.
Onde há vinho tem que haver comida, são inseparáveis.

Sabe João, comemos um bacalhau divinal ao almoço mas ao jantar só comi fruta da época, que abunda aqui.
Ameixas de todas as cores e sabores.

Comendo com moderação não há esse perigo.

Sei que neste espaço, não posso abusar de petiscos, tenho sempre em conta a Saúde, os conselhos, mas se sair da linha ali ou acolá, só de vez em quando, não fica nada obeso.

Vou-lhe deixar água na boca quando ler esta parte.
Há dias comemos, um arroz de feijão vermelho e couve, delicioso. Mais umas postinhas de bacalhau frito, passado por farinha e ovo.
Muito bem enxuto em papel absorvente e servido em cama de rodelas de limão com raminhos de salsa.
Uma delícia.
No entanto só como fritos uma vez por mês ou ainda menos vezes.

Beijinhos

A. João Soares disse...

Minha querida Amiga,

Ainda bem que tem cuidado com a alimentação saudável. O José não deve descuidar-se. Não queremos que adoeça, mesmo que ligeiramente, porque precisamos de ver as lindas fotografias com que nos presenteia!!! Não é egoísmo meu. é brincadeira. Quero saber que está com saúde, por todos os motivos e principalmente porque é um amigo, um bom elemento da nossa equipa e a sua saúde é um factor de felicidade para a família Ferreira.

Beijos para a Ná e um abraço para o José
João

Fernanda disse...

Obrigada amigo querido.

Nós temos cuidados básicos e uma vida saudável e activa.

Mesmo sabendo apreciar um bom prato, adorar confecciona-lo, apresenta-lo e surpreender pela criatividade, não exageramos por sistema.
Esse é um dos segredos.
Coo sabe ambos cozinhamos e bem, modéstia à parte.

Andamos os dois a água, durante a semana.
Só com amigos e aos Domingos bebemos um bom vinho.
O conselho foi da médica para o José, mas ambos fazemos igual.

Terá cada vez mais fotos e durante muitos anos, verá que sim.

Com este calor dos últimos dias tem saído menos para fotos, mas ele tem coisas lindas para publicar.

Beijinhos

A. João Soares disse...

Minha querida Amiga,

Ao falar das fotografias queria apenas dizer que gosto que continue em boa forma para poder fazer a pedalada todo o terreno,. Com ou sem fotografias desejo ao casal Ferreira muita saúde e felicidade, que merece. E que o Pedro lhes dê cada vez melhores notícias dos seus novos trabalhos.

Beijos e abraços
João

A. João Soares disse...

A T E N Ç Ã O

AS IMAGENS QUE DESAPARECERAM NOS POSTS DESTA COLABORADORA DEVEM-SE, PROVAVELMENTE, A UM «LAPSO» DELA.
Pedimos paciência aos amigos visitantes.

Cumprimentos
João