Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

domingo, 15 de fevereiro de 2015

CINCO HÁBITOS PARA REDUZIR O STRESSE


Transcrição do artigo:

Cinco hábitos que vão ajudar a reduzir o stresse
Por Notícias Ao Minuto. Em 14 de Fevereiro de 2015. às 20h03

Antes de começar a ler, respire fundo. Este é um hábito que não está na lista mas que deve ter em conta ao longo do dia.

A mudança de alguns hábitos é o primeiro passo a dar quando se quer alterar algo ou algum aspeto na nossa vida. Seja a nível da alimentação, no trabalho ou mesmo na relação, são muitas as vezes em que temos mudar o que não está correto para encontrar o equilíbrio. E se o objetivo é mesmo esse, encontrar o equilíbrio, nada melhor do que reduzir o stresse diário.

Para isso, o Huffington Post revela aqueles que considera ser os cinco melhores hábitos para reduzir o stresse.

1.Em primeiro lugar, comece por desligar-se do mundo cerca de trinta minutos antes de ir dormir. Uma noite mal dormida é meio caminho andado para um dia cheio de cansaço, mau humor e pouco produtivo. Vá para a cama sem qualquer tipo de dispositivo ou objeto, seja ele o telemóvel ou o livro Sente-se, ou deite-se e comece a ‘desligar’ o seu cérebro antes de adormecer.

2 Ter o dia, a semana ou o mês organizado ajuda na criação de planos e na prevenção de imprevistos, contudo, ver uma agenda demasiado preenchida pode levar a que sofra por antecipação e se sinta ansioso com o que ainda tarda a chegar. Uma das dicas presentes no artigo sugere que elimine algumas tarefas do seu calendário de forma a ficar mais folgado e a que olhe para ele e veja que tem algum tempo para si.

3 Esteja disponível para ouvir. Esta é a terceira sugestão. Faça algumas pausas ao longo do dia e esteja acompanhado por alguém. Ouvir o que os outros têm para dizer fortalece relações e melhora a autoestima de ambas as partes, além disso é uma forma de escapar aos pensamentos negativos que o deixam stressado ao longo do dia.

4 E se quer estar bem consigo mesmo e com os outros, comece por habituar-se a oferecer a sua ajuda. Afinal, quando se faz algo de bom a pessoa tende a sentir-se bem consigo mesma e a olhar de forma diferente, e quase automaticamente, para os pensamentos que a atormentam.

5 Uma outra forma de reduzir os níveis de stresse, principalmente de manhã, é olhar para coisas bonitas. Escolha uma paisagem, um quadro, uma fotografia ou outra coisa qualquer que considere agradável de ver e use como forma terapêutica nos momentos em que se sente mais irritado.

NOTA: Não esqueça estas dicas e viva mais feliz e despreocupado.

Sem comentários: