Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

sábado, 9 de abril de 2011

Parkinson: 1º estudo epidemiológico em Portugal

O primeiro estudo epidemiológico sobre a prevalência da doença de Parkinson em Portugal vai arrancar na próxima segunda-feira, Dia Mundial do Doente de Parkinson, e abrangerá 5 mil pessoas a partir dos 50 anos, conforme anunciou à Lusa a Associação Portuguesa de Doentes de Parkinson (APDPk).

"Até à data, não há evidência de quaisquer estudos epidemiológicos de base populacional realizados em território nacional para determinar a prevalência de Parkinson", adiantou o coordenador do estudo.

Torna-se, por isso, "essencial a implementação de um estudo epidemiológico para o desenvolvimento de estratégias de saúde adaptadas ao real número de doentes", explicou Joaquim Ferreira, neurologista do Hospital de Santa Maria.

No domingo, celebra-se o arranque da iniciativa com uma corrida de sensibilização para a doença às 10h30 em Lisboa, Faro, Coimbra, Leiria e Maia que será simultânea em vários países onde se vão percorrer 40 mil quilómetros que, simbolicamente, representam a volta ao mundo.

"Esta iniciativa é muito importante para que as pessoas conheçam esta doença e compreendam as dificuldades que os doentes e familiares têm de ultrapassar no dia a dia", justifica Helena Machado, presidente da APDPk.

"Todos juntos podemos unir forças e contribuir para melhorar as condições de vida dos portadores desta doença", afirmou a responsável.

A doença de Parkinson é uma doença neurológica degenerativa do sistema nervoso central, para a qual ainda não existe cura. É a segunda doença neurodegenerativa mais comum, atingindo mais de uma em cada mil pessoas na Europa. Em Portugal, cerca de 20 mil portugueses sofrem com a doença.

Saiba mais sobre a iniciativa no site oficial em www.parkinson.org.pt/.

Sem comentários: