Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

segunda-feira, 15 de junho de 2015

ALIMENTAR CRIANÇAS DIFÍCEIS


O seu filho é 'esquisito' com a comida? Saiba o que fazer
Por Notícias Ao Minuto

 Rejeitar legumes e a fruta é frequente entre os mais pequenos, mas selectividade alimentar pode ter várias origens e diferentes graus. Há crianças que só comem alimentos brancos e outros que rejeitam os sólidos e só aceitam papas, iogurtes e purés.

Face à recusa dos filhos em comer determinados alimentos, muito pais acabam por fazer as vontades à criança. Se, por um lado, a frustração na hora das refeições só piora o problema, as necessidades nutricionais não podem ser ignoradas.

O que fazer para evitar e corrigir este problema? Em entrevista ao Jornal de Notícias, a pediatra Carla Rêgo, especializada em nutrição infantil, deixa algumas dicas:

1. No final da refeição, nunca substituir os alimentos que a criança se recusou a comer por outros, só porque são mais do seu agrado;

2. Evitar ameaças, castigos e um clima de ansiedade e preocupação. “As refeições deixam de ser um momento natural e passam a ter uma carga emocional”, explica;

3. A família deve sentar-se à mesa junta e falar de assuntos não-relacionados com comida, num ambiente descontraído;

4. O prato principal da criança deve conter os mesmos alimentos que o prato dos pais, mas estes podem ser apresentados de forma mais apelativa: em forma de animais, por exemplo;

5. A prevenção pode ser feita logo à nascença, com a amamentação: O leite materno vai variando consoante a alimentação da mãe e o bebé habitua-se às alterações no sabor;

6. A uma criança que só come batatas fritas [por exemplo], os pais devem apresentar outros alimentos e privar de batatas fritas”, recomenda ainda a especialista

Sem comentários: