Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

domingo, 10 de novembro de 2013

Cientistas descobrem melhor hora para beber café

Cientistas descobrem melhor hora para beber café
Há uma hora do dia em que beber café é mais prudente e eficaz. Quem o diz é uma equipa de neuro-cientistas da Universidade Militar de Ciências da Saúde, em Bethesda, no estado de Maryland, nos EUA, que apontam o período entre as 9h30 e as 11h30 como o mais indicado para o consumo de cafeína.
 
Contrariamente ao que se pensava, uma chávena de café forte logo pela manhã não é a melhor forma de ganhar energia para um dia de produtividade. Esperar umas horas é o mais acertado para aqueles que querem tirar maior partido da dose de cafeína. A explicação está no modo como a cafeína interagem com uma hormona chave - chamada cortisol - que ajuda o corpo a regular o seu relógio biológico, promovendo, inclusive, a capacidade de se estar alerta.
 
Ao acordar, os níveis de cortisol começam a aumentar, atingindo o seu pico cerca de uma ou duas mais tarde. Steven Miller, líder da investigação, revela que a melhor altura para beber café é, precisamente, a seguir a este pico, uma vez que a cafeína vai estimular a produção de cortisol.
 
No seu blogue profissional, o especialista refere que o consumo de café enquanto os níveis desta hormona estão com os valores mais altos faz com que as pessoas desenvolvam uma tolerância à cafeína e que se sinta necessidade de uma dose extra de café para conseguir o efeito pretendido.
 
Para chegar a estes resultados, Miller analisou a variação de cortisol ao longo do dia, sabendo que esta hormona é produzida em maior quantidade em alturas de stress, ajudando a converter a energia em glicose, para posterior uso das células do corpo.
 
No entanto, o cientista avança que o pico de cortisol, durante a manhã, não é o único do dia, havendo outras alturas em que esta hormona atinge níveis máximos e após os quais se recomenda o consumo de café. São elas: entre as 12h e as 13h e entre as 17h30 e as 18h30.

Saiba mais AQUI no blogue do principal autor do estudo, o neuro-cientista Steven Miller.

1 comentário:

Celle disse...

INTERESSANTE O ESTUDO!
ÚTIL PARA OS AMANTES DO CAFÉ.