Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

CINCO ALIMENTOS SAUDÁVEIS PARA ENGANAR A FOME

Transcrição:

Cinco alimentos saudáveis que ajudam a enganar o cérebro (e a fome) 
160923. POR DANIELA COSTA TEIXEIRA

 Tomou o pequeno-almoço e mesmo assim continua com um ‘ratinho’ no estômago? Ponha um destes alimentos na sua marmita.

 Enganar a fome não é fácil. Água, chá, café e tostas são a solução mais comum, mas estão longe de ser aquela que funciona melhor. Alguns alimentos assumem-se como verdadeiros inibidores do apetite, mas na hora de travar a fome (ou gula) de imediato, são cinco aqueles que se mostram mais eficazes.

 Como conta o site Buena Vida do jornal espanhol AS, existem alguns alimentos saudáveis que permitem aumentar a sensação de saciedade e enganar não só a fome, como o cérebro. Se acabou de tomar o pequeno-almoço e continua com um ‘ratinho’ no estômago, meta na sua marmita uma peça de fruta extra, por exemplo.

 A fruta, preferencialmente com pele, é um dos snacks mais eficazes na hora de saciar, não só pelos nutrientes que porta, como também pelo sabor doce que lhe é caraterístico e que ajuda a enganar o cérebro quando lhe apetece um docinho.

 Também os frutos secos são uma opção a ter em conta. Saborosos, nutritivos e crocantes, estes pequenos alimentos são o melhor petisco para a merenda da tarde, e muito graças ao processo de mastigação que requerem e que faz com que o cérebro fique consciente de que está a comer.

Meter um iogurte desnatado na marmita é sempre uma boa opção, visto que este alimento é um dos truques mais usados pelos nutricionistas para enganar aquela fome que aparece repentinamente.

Tal como mostrou um estudo publicado na revista Nutrition Journal, comer a metade de um abacate a meio da manhã ou da tarde faz com que o apetite três horas depois seja 40% inferior.

Para os mais gulosos, ou para aqueles que precisam de mais energia, não há nada como uma barra de cereais, mas de preferência uma que tenha sido feita em casa e que não tenha açúcares, químicos e aditivos adicionados. As barras de granola são fáceis de fazer e uma excelente opção para snack.

Sem comentários: