Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

domingo, 21 de janeiro de 2018

ATAQUE CARDÍACO. COMO REAGIR





Em caso de ataque cardíaco

Pode não se sentir nunca uma primeira dor no peito. 60% das pessoas que tiveram um ataque cardíaco enquanto dormiam, já não se levantaram.

Porém a dor no peito pode acordá-lo de um sono profundo.

Se assim for dissolva imediatamente duas aspirinas na boca e engula-as com um pouco de água.

Em seguida ligue para o 112 e diga «ataque cardíaco» e que tomou duas aspirinas.

Sente-se numa cadeira ou sofá e espere pelo pessoal da Emergência do 112 e NÃO SE DEITE.

Um cardiologista afirmou que, se cada pessoa que receber esta mensagem a enviar a outras dez (10) pessoas, pelo menos uma vida poderá ser salva.

Sem comentários: