Bem Vindos !

Quando era criança, na minha aldeia, ouvia com frequência a expressão dos mais simples objectivos das pessoas «haja pão e coza o forno». Realmente, havendo «saúde e alimentação», tudo acaba por ser resolvido. Decidi, por isso, guardar neste espaço, tudo o que estiver guardado nos blogs a que tenho acesso e o que venha a obter sobre este tema, com a convicção de que a saúde depende muito da alimentação e do estado de espírito. (A.João Soares)

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Licor de pequi


Os licores podem ser os tintos (amarelado) e os alvos (branco transparente), o primeiro produzido com a pólpa amarelada, e o segundo pela infusão (maceração) em longo período de castanhas brancas. Ambos são elaborados pela imersão em álcool de cereais (ou aguardente de boa procedência), por longo período.


Ingredientes:
-1 litro (20) pequis
-1 Garrafa de boa cachaça ou alcool de cereais
-1kg açúcar
-Água

Modo de Preparo:
Colocar as sementes do pequi, descascadas limpas e maduras, junto com a aguardente de boa qualidade, num recipiente grande, um pote de boca larga,por 30 a 40 dias, até que a cachaça ou alcool de cereais fique da cor dos pequis. Feche bem o recipiente e mantenha em lugar arejado e com luz. Após este período, colocar os pequis que estiveram no pote, a cozinhar na água por uns 30 minutos. Retire- os e coloque o açucar, faça a calda, apure bem o ponto, deixe a calda esfriar e acrescente a aguardente ou alcool anteriormente, preparado e ja com o sabor do pequi. Misture bem, coloque numa linda garrafa e guarde na geladeira.
Servir geladinho aos seus convidados, eles vão gostar!
Sirva acompanhado de comidas leve pois é uma bebida afrodisíaca.
Não abra em momento algum o recipiente durante aquarentena

Sem comentários: